BlogAr - O Blog do Ar Comprimido Portátil
BlogAr - O Blog do Ar Comprimido Portátil

#18 - Movimentação multisite: o pulo do gato na energia portátil

Todo equipamento de energia portátil, seja um gerador, seja um compressor de ar, possui uma vida bastante movimentada. Apesar do conceito de portabilidade ser intrínseco a este tipo de equipamento, por incrível que pareça, nem todos aguentam tão bem a mudança constante de local em uma obra, assim como de um “site” para outro. Gastos com funilaria são constantes para os proprietários de geradores e compressores de ar portáteis, sem falar de problemas estruturais e mecânicos mais graves.

Neste post, abordaremos as principais características que devem ser observadas em um equipamento portátil para que ele realmente possa ser movimentado com baixo custo. Inclusive no que se refere ao custo de transporte.

O valor de aquisição de um compressor de ar ou gerador portátil é a menor parte do custo total que o equipamento terá em toda sua vida útil, o chamado CUSTO TOTAL DE PROPRIEDADE. Este custo, também impacta quem aluga estes equipamentos, tanto no valor do aluguel quanto nos gastos de operação do equipamento.

Um equipamento de energia portátil somente possuirá BAIXO CUSTO TOTAL DE PROPRIEDADE, se reunir algumas das características abaixo:

- Tamanho otimizado e volume: equipamentos com a mesma capacidade apresentam dimensões muito diferentes. No post 10, temos uma análise de custo comparando dois tipos diferentes de compressores. Também no caso de geradores, o formato e volume podem reduzir o frete pela metade, conforme o diagrama comparativo abaixo:

geradores

Design do chassi adequado ao transporte: veja no diagrama abaixo a comparação entre dois tipos de geradores disponíveis no mercado. A base reforçada, com centro de gravidade mais baixo e laterais reforçadas, suporta muito melhor o transporte através de caminhões. Além de ser muito mais estável, garantindo que o equipamento se movimente muito menos, a base larga evita o contato entre as portas dos geradores quando são transportados lado a lado. Deste modo evitam-se danos dispendiosos na funilaria.

geradores

- Quantidade de eixos: um equipamento com apenas um eixo (duas rodas) é mais portátil do que um de quatro. Especialmente em compressores de ar, vemos máquinas com a mesma capacidade e pressão tanto de quatro quanto de duas rodas.

geradores

- Material da carenagem: um compressor de ar pode ter carenagem de metal ou carenagem Hard Hat, Polietileno Linear de Média Densidade. Esta última é a mais indicada quando se exige movimentação constante do equipamento. A economia com funilaria ao longo da vida útil do equipamento pode chegar a pagar um outro equipamento.

- Quando falamos especificamente de geradores, outro detalhe cujo aspecto é fundamental de ser observado é a estrutura de içamento. A maioria dos geradores do mercado possuem apenas um olhal preso a carenagem, que acaba sendo insuficiente para tal, já que essa é uma estrutura frágil e instável, que ocasiona, na maioria dos casos, amassados e outro danos ao equipamento, reduzindo assim sua vida útil e causando acidentes.

olhais_de_icamento

Em compensação, os melhores modelos do mercado são planejados para todas as situações. O equipamento possui uma estrutura integrada feita adequadamente para o içamento em obras e outros locais. Suas dimensões são pensadas para suportar qualquer carga e estrutura, já que conta com tecnologia da mais alta qualidade e aprovada em vários testes realizados. Além de reduzir o risco de acidentes, proporcionando segurança para seu manuseio e transporte, a estrutura não danifica o equipamento, permitindo ao usuário ter maior retorno do investimento e durabilidade. Veja no vídeo abaixo como uma estrutura de içamento corretamente dimensionada contribui para uma performance superior na obra.

icamento_integrada

- Skid Integrado: O skid protege a carenagem do gerador contra impactos mecânicos durante o transporte e manuseio, nas diversas aplicações. São projetados para constantes movimentos dentro dos locais de operação, sem danificar sua estrutura.

icamento_integrada

- Resistência às intempéries: a vedação é algo extremamente importante para um equipamento portátil. Se sua carenagem tiver sido projetada para resistir à exposição prolongada e alternada a sol e chuva, isto aumentará em muito sua vida útil, assim como reduzirá os custos de gerenciamento do equipamento, que poderá ser deixado no local de operação sem maiores preocupações com coberturas ou outros tipos de cuidados.

Os principais fabricantes de geradores portáteis submetem seus equipamentos a testes rigorosos, como no vídeo abaixo:

- Chassi robusto com contenção de 110% de todos os fluidos: o chassi possui uma base que tem 110% de capacidade para conter todos os liquidos necessários para o gerador (óleo, liquído de arrefecimento e combustível) e este projeto elimina a necessidade de preparação do solo, como, por exemplo, bandejas de contenção.

icamento_integrada

Como pudemos ver, e como você pode perceber comparando os equipamentos disponíveis no mercado, nem tudo que se apresenta como “portátil” é realmente tão portátil assim... Se o seu equipamento precisa de muita movimentação, fique atento.

 
Carregando busca...
Conheça Nossos Canais:








 

VÍDEOS EM DESTAQUE

Assista o vídeo
Atlas Copco - Compressores de ar portáteis - Hard Hat (Carenagem reforçada)
Assista o vídeo
ATLAS COPCO Energia Portátil
Assista o vídeo
Atlas Copco - Compressores de ar portáteis - Hard Hat (Carenagem reforçada)
Assista o vídeo
ATLAS COPCO Energia Portátil
 

Sobre o blogAR

O blogAR é um blog feito para engenheiros e profissionais da construção civil. Para saber as novidades do setor de ar comprimido. Entre no nosso blog, e também nos acompanhe nas redes sociais.

 
 

Comentários

Não há comentários para este artigo.

Nome:

E-mail:

Telefone:

Empresa:

Cargo:

Comentário: